Exercícios de crase com gabarito, resolução e comentários

Tire 💯 nos exercícios de crase treinando gratuitamente com esta lista de exercícios de crase com gabarito.

Exercício 1 de 5

Ano: 2018 Banca: IDECAN Órgão: CRF-SP Cargo: Farmacêutico Fiscal

Em “Da mesma maneira que vão à drogaria comprar remédios, eles levam o receituário à biblioteca e tomam emprestados os volumes aconselhados.” (4º§) pode-se afirmar que:


🌟Crase é junção da preposição "a" com o artigo definido feminino singular "a" ou no plural "as".

Exercício 2 de 5

Ano: 2018 Banca: VUNESP Órgão: UFTM Cargo: Assistente em Administração

Quando chega _____ introdução do texto, o leitor espera que ali esteja anunciado o assunto. É preciso preparar-se para a marcha inicial, pois não se dá início _____ viagem sem se saber o destino. Cabe _____ essa parte do texto convidar o leitor para a leitura. Em conformidade com a norma-padrão, as lacunas do enunciado devem ser preenchidas, respectivamente, com:


🌟A crase NÃO deve ser usada antes de palavras de genêro masculino. Exemplo: Por favor, esceva seu nome à a lápis.

Exercício 3 de 5

Ano: 2019 Banca: FCC Órgão: TRF - 4ª REGIÃO Cargo: Analista Judiciário - Área Judiciária

É plenamente adequado o emprego de pronomes e do sinal indicativo de crase em:


🌟Verbos não admitem determinantes e por este motivo não ocorre crase antes de verbos.

Exercício 4 de 5

Ano: 2019 Banca: UFRR Órgão: UFRR Cargo: Técnico em assuntos educacionais

A exemplo do uso da crase em "Se conformam e se recolhem às suas novenas", escolha a opção em que o mesmo uso é necessário:


Exercício 5 de 5

Ano: 2019 Banca: VUNESP Órgão: Câmara de Piracicaba SP Cargo: Jornalista

Assinale a alternativa que completa corretamente a lacuna da frase a seguir, quanto ao emprego do sinal indicativo da crase. O que deve causar preocupação à _______________ ?


🙋 Perguntas e Respostas

O que é crase ?

A origem da palavra crase vem do grego "krâsis" e significa fusão ou mistura, ou seja, fusão entre artigos definidos "a" ou "as" com preposição ou pronomes.


Quando se usa crase e qual o seu símbolo ?

Quando ocorrer a junção entre o artigo definido "a" ou "as" com a preposição "a" em uma frase ou expressão a crase deverá ser usada.

  • Na frase "Hoje iremos à praia para aproveitar o fim de semana." a crase foi utilizada graças ao fato do verbo ir ter o sentido de apresentar-se em determinado lugar, ou seja, ele é transitivo indireto e exige a preposição "a", enquanto que "praia" é um substantivo feminino e exige o artigo "a"

Quando ocorrer a junção entre o artigo definido "a" ou "as" com o pronome demonstrativo "a", "as", "aquele", "aquela" e "aquilo" em uma frase ou expressão a crase também deverá ser usada.

  • Na frase "Essa estrada leva àquele lugar maravilhoso." a crase foi usada devido ao fato de o verbo levar ter o sentido de dar acesso a, ou seja, ele também é transitivo indireto e exige a preposição "a" que se juntou ao "a" inicial do pronome aquele.

A crase é indicada e representada pelo acento grave "`". Para facilitar a memorização, o símbolo da crase é oposto do símbolo do acento agudo "´".


Porque não usar crase antes de verbos ?

Para ocorrer a crase, a condição necessária é a contração entre a preposição "a" e o artigo "a", mesmo que artigo seja implícito.

Os verbos são classes de palavras que não admitem determinantes(termo que acompanha o substantivo), ou seja, não admitem artigos pois os verbos não são nomes femininos e admitem somente preposição de forma que a regra da crase não é atendida.

Para exemplificar na frase "Começou a chover." o "a" é uma preposição e não um artigo, e por este motivo não ocorre crase.


Quando se usa crase antes de pronome demonstrativo ?

A crase será usada antes dos pronomes demonstrativos aquele, aquela e aquilo sempre que o termo anterior exigir a preposição "a". Por outro lado não se usa acento grave com os pronomes demonstrativos essa e esta por não iniciarem com a vogal "a".

  • Refiro-me àquela mulher.
  • Refiro-me a esta mulher.


Quando a crase é facultativa ?

  • Antes de nomes próprios femininos a crase é facultativa. As seguintes formas "entreguei o dinheiro a Gabriela" ou "entreguei o dinheiro à Gabriela" estão corretas.
  • O uso do acento grave antes de pronomes possesivos é facultativo pois o uso do artigo também é facultativo. Ambas as seguintes formas "Diga a sua mãe que seu pai não o buscará hoje na escola" ou "Diga à sua mãe que seu pai não o buscará hoje na escola" estão corretas.
  • É facultativo o uso da crase depois do pronome até quando anteceder um substantivo feminino. As seguintes formas "Fomos até a escola e não entramos" ou "Fomos até à escola e não entramos" estão corretas.


Utiliza-se crase antes de pronomes de tratamento ?

A regra geral é que não se usa crase antes de pronomes de tratamento, devido ao fato de que no geral os pronomes de tratamento não serem antepostos por artigos.

As exceções a regra geral ocorrem com os pronomes de tratamento senhora, senhoras, senhorita, senhoritas, dona, donas, madame e mademes como nos exemplos abaixo

  • Aquele rapaz dirigiu-se à senhorita com todo o respeito.
  • Diga à senhora que seu marido está aqui.
  • O menino obdeceu à dona Judite.


Utiliza-se crase antes de pronomes indefinidos ?

Para ocorrer crase é necessário que haja artigo "a" na frase, e o pronome idefinido refere-se aos seres de terceira pessoa e acaba assumindo o lugar que deveria ser do artigo como determinante. Resumindo, não se usa crase com pronomes idefinidos.


A expressão "a propósito" tem crase ?

Não se usa crase na expressão "a propósito" pois se trata de uma locução adverbial formada pela preposição "a" com o substantivo masculino "propósito"(segundo o dicionário), pois uma das regras de crase diz que a crase é obrigatória quando uma locução adverbial for formada por artigo mais substantivo feminino, que não é o caso da expressão "a propósito".


A expressão "mãos à obra" tem crase ?

A expressão "mãos à obra" leva crase pois ocorre a junção da preposição "a" de mãos a com o artigo "a" que é o determinante do substantivo feminino obra.


A expressão "segunda a sexta" tem crase ?

A expressão "segunda a sexta" não tem crase, pois para que ela ocorra é necessário a presença de um artigo feminino mesmo que contraído com a preposição "de". O correto é usar a expressão "de segunda a sexta" e não "da segunda a sexta", demonstrando assim que não há artigo feminino e consequentemente a crase não é usada.

O mesmo não ocorre com relação as expressões que possuem o substantivo feminino horas pois o correto é usar a crase como demontrado na expressão "das 18 horas às 20 horas". No caso da expressão anterior a crase ocorreu pois a preposição "da" é a contração da preposição "de" com o artigo feminino "a".


A expressão "a pedido" tem crase ?

"A pedido" não é craseado, pelo mesmo motivo de não se usar o acento na expressão "a propósito",ou seja, trata-se de uma locução adverbial formada pela preposição "a" com o substantivo masculino "pedido" não ocorrendo a fusão entre a preposição "a" e o artigo feminino "a".


A expressão "volta às aulas" tem crase ?

O verbo "voltar" com o sentido de regressar ou retornar é transitivo indireto, ou seja, exige a preposição. Já palavar aulas é um substantivo feminino no plural que leva o determina "a", artigo feminino.

Como ocorre a junção da preposição "a" relativa a regência do verbo voltar com o artigo "as" determinante do substantivo aulas, chega-se a conclusão que a expressão "volta às aulas" é craseado.


A expressão "a domicílio" tem crase ?

A crase não é usada na expressão "a domicílio" pelo fato da palavra "domicílio" ser um substantivo masculino, lembrando que para ocorrer crase é necessário a junção entra o artigo feminino "a" e a preposição "a".


A expressão "referente a" tem crase ?

"Referente à" terá crase somente se a palavra subsequente for um nome feminino como no exemplo "A dica foi refrente à mulher", pois caso contrário não ocorreria a crase, como em "A dica foi referente ao homem" ou "Processo referente a valores"(no segundo caso por mais que esteja escrito a valores, valor é um substantivo masculino).


A expressão "estou à procura" tem crase ?

As expressões "à procura" e "a procura" estão corretas e podem ou não levar acento grave dependendo de como se classificam na oração.

A frase "A procura do garoto sequestrado durou 2 anos" não leva crase pois procura neste caso é um substantivo feminino núcleo do sujeito, enquanto que a frase "Estou à procura de emprego" leva crase pois ocorreu a junção da preposição "a" do verbo transitivo indireto estar com o artigo "a" da palavra feminina procura.


🙂 Motive-se

Conhecimento não é aquilo que você sabe, mas o que você faz com aquilo que você sabe.